Parlamento - Pronunciamentos

Versão para impressão  | Indicar para amigo

ENERGIA NUCLEAR

Genoino apóia reinício das obras de Angra 3

Câmara dos Deputados
Sessão: 166.2.53.O – Grande Expediente
Data: 09/07/2008
Hora: 16:14
Fase: GE  

Sr. presidente, sras. e srs. deputados, quero, em primeiro lugar, destacar a importância do comunicado do governo Lula de que vai iniciar no mês de setembro as obras de Angra 3.
 
Eu acho que a política do Brasil de ampliar e diversificar matriz energética, tendo como elemento principal a energia hidrelétrica, incorporando o biocombustível, a energia nuclear e as fontes alternativas, é o caminho para o Brasil se posicionar bem numa questão estratégica para o projeto nacional, que é o fortalecimento da nossa matriz energética.

Como já me pronunciei nesta Casa, sou favorável aos investimentos via orçamento, via fundos especiais para que o Brasil, que já domina tecnicamente o ciclo do combustível nuclear, possa, ao lado da ampliação da matriz energética, incluindo a energia nuclear, desenvolver o projeto do submarino com propulsão nuclear, uma arma dissuasória, um elemento fundamental para a vigilância e o monitoramento dos nossos interesses no Atlântico Sul, principalmente, sr. presidente, agora que o Brasil tem uma grande possibilidade estratégica com o pré-sal. O marco regulatório não dá conta do pré-sal. Defendo uma mudança no marco regulatório da Lei do Petróleo. Nesta mudança, sr. presidente, acho correta a posição do governo de ter um fundo oriundo do pré-sal para investimentos em ciência, tecnologia, educação e defesa. Na defesa existem duas questões éticas, que é a defesa do Atlântico Sul e a defesa da Amazônia.
 
Por isso que esse anúncio de reiniciar as obras de Angra 3 está dentro dessa política estratégica da matriz energética, mas nós temos que relacioná-la e incorporar o fortalecimento de um projeto de defesa nacional, dando condições às Forças Armadas, como poder dissuasório para acesso à alta tecnologia, melhoria salarial e replanejamento da nossa organização para efeito de defesa.

Esse é um ponto central de um projeto estratégico nacional com norte popular, que é exatamente o crescimento com distribuição de renda, com programas sociais, sem vulnerabilidade externa.

Por isso, quero saudar a decisão do governo e apoiar o reinício das obras de Angra 3 em setembro.

Busca no site:
Receba nossos informativos.
Preencha os dados abaixo:
Nome:
E-mail: